domingo, 7 de setembro de 2008

Chouriço


A arte de fazer chouriço ou chouriça como é dito nalgumas regiões, perde-se na memória dos tempos.

Usando sempre carnes de boa procedência e de qualidade excepcional, temperam-se com produtos exclusivamente naturais e seguindo o processo tradicional. A vinha de alhos não tem medida; é tudo a olho. O vinho, esse tem que ser de boa qualidade. O colorau, sempre de bons pimentos e de preferência feito em casa.

Quanto ao fumeiro, como não existe aqui madeira de azinho, nem de oliveira e muito menos de carvalho, mistura-se à lenha que temos, algo que vá aromatizar o chouriço, uma vez que vai existir a transmissão de massa entre o fumo e o chouriço. Cinco dias depois, é só deliciarmo-nos com a excelência do que fizemos, acompanhado de bom pão caseiro e vinho tinto a condizer.

Um comentário:

Sissi disse...

HUMMMMMMMMMMMM...K BELO ASPECTO...VIM DAR AO SEU BLOG,POIS ANDO Á PROKURA DE RECEITA DE FAZER CHOURIÇO,MAS NAO ENCONTRO...:-((
PARABES PELO BLOG BEM CONCEBIDO E CONSEGUIDO...;o))
ATÉ BREVE